20.6 C
Ivaiporã
terça-feira, 27, fevereiro, 24
InícioPOLÍTICAEx-presidente Jair Bolsonaro vira cidadão honorário do Paraná em sessão solene
-anúncio-spot_img

Ex-presidente Jair Bolsonaro vira cidadão honorário do Paraná em sessão solene

No vídeo Ratinho agradece Bolsonaro na construção do novo pedágio paranaense

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) recebeu, nesta sexta-feira (15) à noite, o título de Cidadão Honorário do Paraná. Durante a sessão solene, realizada no Plenário da Assembleia Legislativa (AL), em Curitiba, ele criticou o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e as decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) de condenar envolvidos nos atos de 8 de janeiro, em Brasília.

“Compare o meu ministério com essa súcia que está aí […] Não dá pra comparar Paulo Guedes com Haddad. 38 Ministérios, nem ele sabe o nome de uma dúzia. Eu duvido que ele fale o nome de cinco aqui, porque são pernas de pau, não têm como ser campeões. Até hoje só falam meu nome, mas ninguém joga pedra em árvore que não dá frutos”, considerou. Bolsonaro discursou da Mesa Diretora da AL, onde entre os presentes estava o governador Ratinho Jr. (PSD), que foi elogiado pelo ex-presidente em sua fala.

Sem citar nomes, Bolsonaro teceu críticas aos ministros do STF que condenaram acusados de executarem os atos do dia 8 de janeiro, em Brasília, considerando ser uma “covardia” a condenações de alguns de seus apoiadores. “Passamos momentos difíceis no Brasil. Mais difícil do que nós aqui, são aqueles condenados a 17 anos de cadeia em Brasília. Uma covardia. Uma das acusações foi tentativa armada de mudar o Governo. Nem um estilingue foi encontrado”, disse.

O ex-presidente afirmou que a população ainda não sabe a verdade sobre o “sistema”. “Conheceis a verdade e a verdade vos libertará. Vocês ainda não sabem de toda a verdade. Vocês não sabem ainda o que é o sistema, o poder daqueles que estão em Brasília […] A liberdade não é uma cláusula pétrea. Ela não é como o Sol que nasce todo dia. É algo que tem que ser cuidado com muita atenção, porque os canalhas querem roubar a nossa liberdade em causa própria”, pontuou.

Foto: Blog do Berimbau

Homenagem

O título de Cidadão Honorário do Paraná ao ex-presidente Jair Bolsonaro foi uma proposição dos deputados Ricardo Arruda (PL), Gilberto Ribeiro (PL), Delegado Jacovós (PL), Gilson de Souza (PL), Marcel Micheletto (PL) e Soldado Adriano José (PP). O plenário da AL ficou lotado e quem não pode entrar na Casa de Leis acompanhou a homenagem em um telão na área externa.

“Trata-se de um líder que defende com coragem e determinação os valores da vida, da pátria, da liberdade e da família. É um patriota que honra as cores da nossa bandeira e as tradições do nosso país. É um cristão que respeita a fé do nosso povo e se posiciona contra o aborto e a ideologia de gênero. Jair Bolsonaro é amigo do Paraná e do agronegócio”, destacou Marcel Micheleto.

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), disse que teve a honra de assinar a lei que concedeu o título ao ex-presidente. “O senhor tem uma passagem especial pelo estado do Paraná, porque enquanto estava presidente foi o que mais visitou o Paraná nos últimos 30 anos [..] O senhor é reconhecido como o presidente da República que mais trouxe investimento na história do nosso estado”, ressaltou o governador.

Novo Pedágio

Ratinho Junior também lembrou que Bolsonaro ajudou na aprovação do modelo de concessão do novo pedágio. “Eu pedi uma audiência ao senhor, fui até o seu gabinete e em três minutos de conversa te relatei o histórico dos pedágios do Paraná e o senhor disse as seguintes palavras: ‘Ratinho, o pedágio do Paraná vai ser do jeito que o povo do Paraná quer. Descida e nós vamos resolver dessa forma’ […] Eu quero agradecer de público a sua parceria, a sua colaboração, o seu olhar carinhoso com o povo paranaense”, reforçou.

Ao agradecer a homenagem, o ex-presidente garantiu que tem um carinho especial pelo Paraná por ter um histórico familiar aqui. “Agora que eu sou da casa, eu fico mais à vontade. Se bem que na minha história, eu já morei em Ribeira, vizinha da então Paranaí, atualmente Adrianópolis e meu pai trabalhava no Paraná na mina de chumbo. Então, 60 anos depois eu me torno um jovem paranaense”, celebrou.


- Envie um whats para nós! - Aconteceu algo e quer compartilhar? Entre em contato com a redação pelo whatsapp: clique aqui

- Receba a notícia quando ela acontece no 📱🤳🏻 👉 https://is.gd/2nA6u1

RELACIONADAS

ÚLTIMAS

Google Notícias Ivaiporã Online