terça-feira, 18, junho, 24
InícioIVAIPORÃProdutores rurais de Ivaiporã se preparam para transição digital com curso de...
- ANÚNCIO - https://www.iguassu.com.br/para-visitantes/

Produtores rurais de Ivaiporã se preparam para transição digital com curso de Emissão de Nota Eletrônica

A partir de 1º de maio de 2024, a emissão da Nota Fiscal Eletrônica será obrigatória para os produtores rurais do país

O Sindicato Rural Patronal de Ivaiporã e a Prefeitura de Ivaiporã, por intermédio da Secretaria Municipal de Agricultura, promoveram o Curso de Emissão de Nota Eletrônica para Produtor Rural, na terça-feira, dia 23 de abril, no Centro Cultural Olívia Hauptmann, onde o fiscal da Receita Estadual, Paulo Doretto, instruiu e esclareceu dúvidas de 206 produtores rurais.

A partir de 1º de maio de 2024, a emissão da Nota Fiscal Eletrônica será obrigatória para os produtores rurais do país – independentemente do faturamento. Para se prepararem para essa mudança os produtores precisam conscientizar-se sobre a obrigatoriedade e atualizar sistemas, visando evitar multas e facilitar a gestão do negócio para garantir a conformidade com a legislação.

Paulo Doretto, que compartilhou expertise e visão sobre a transição para a Nota Fiscal Eletrônica, observou as dificuldades enfrentadas pelos produtores rurais para identificar os dados técnicos necessários à emissão do documento. Contudo, apresentou uma perspectiva otimista com a implementação do aplicativo Nota Fiscal Fácil.

“O aplicativo eliminará a necessidade de conhecimento prévio sobre os aspectos legais envolvidos na emissão da Nota Fiscal Eletrônica, por meio do computador, e vai facilitar significativamente o processo”, afirmou Paulo Doretto observando que o avanço da tecnologia, especialmente o uso generalizado de celulares e da internet, tornará a transição mais suave.

Grande valia

O presidente do Sindicato Rural Patronal de Ivaiporã, Marco Antônio Esquiçato, também endossou a importância da adoção da Nota Fiscal Eletrônica, tanto para os produtores quanto para o município em termos de arrecadação e benefícios diretos. “A Nota Fiscal Eletrônica é de grande valia para o produtor e para o município, porque o poder público pode promover benefícios na área rural – como recuperação de estradas”, enfatizou Marco Antônio Esquiçato.

O avanço significativo no controle e registro das operações de compra e venda de produtos foi mencionado pelo secretário municipal de Agricultura, Miro Barbosa, informando que a transição transformará os produtores rurais em empresários rurais, proporcionando um controle mais eficiente da situação fiscal. “É um avanço importante que trará benefícios tanto para o município em termos de arrecadação, quanto para os produtores”, afirmou Miro Barbosa.

Com a obrigatoriedade da Nota Fiscal Eletrônica, que entra em vigor a partir do dia 1º de maio, a iniciativa do curso demonstrou o comprometimento do Sindicato Rural Patronal e da Prefeitura de Ivaiporã em preparar os produtores rurais para a transição digital, garantindo que estejam bem informados para enfrentar os desafios e colher os frutos das oportunidades que surgirão.

Fonte: Lúcia Lima – assessoria de imprensa


- Envie um whats para nós! - Encontrou um erro? Tem mais detalhes? Ou aconteceu algo e quer compartilhar? Entre em contato com a redação pelo whatsapp: clique aqui

- Receba a notícia quando ela acontece no nosso grupo 📱🤳🏻 👉 https://is.gd/2nA6u1

- ANÚNCIO -spot_img
- ANÚNCIO -spot_img
RELACIONADAS
spot_img

ÚLTIMAS

Google Notícias Ivaiporã Online