terça-feira, 18, junho, 24
InícioBRASILParaná contará com 2.253 unidades do programa Minha Casa, Minha Vida Rural...
- ANÚNCIO - https://www.iguassu.com.br/para-visitantes/

Paraná contará com 2.253 unidades do programa Minha Casa, Minha Vida Rural e Entidades

O presidente Lula participou, nesta quarta-feira (10), do anúncio do resultado da seleção de propostas de 112 mil unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida (MCMV) nas modalidades Rural e Entidades. O investimento previsto é de R$ 11,6 bilhões para beneficiar mais de 440 mil pessoas em áreas rurais e urbanas, de comunidades tradicionais como quilombolas e povos indígenas, famílias organizadas pelos movimentos de luta por moradia, com prioridade para grupos mais vulneráveis como mulheres chefes de família, famílias de áreas de risco, entre outros.

No MCMV Entidades foram selecionadas 443 propostas de 206 Entidades Organizadoras (EO) habilitadas a atuarem no Programa e ligadas aos movimentos de luta por moradia. Já no MCMV Rural, foram selecionadas 2.105 de propostas de 1.137 de Entidades Organizadoras, que incluem movimentos de luta por moradia e organizações de representação de agricultores e trabalhadores rurais, e entes públicos locais.

A deputada federal Gleisi Hoffmann (PT-PR) destacou a importância do MCMV, que vai contemplar o Paraná com 2.253 unidades nestas modalidades. “O programa é uma ferramenta essencial para promover a inclusão social e garantir o bem-estar das famílias rurais e comunidades vulneráveis, além de gerar empregos e estimular a atividade econômica local. O Minha Casa Minha Vida demonstra o compromisso do Governo Lula em proporcionar dignidade para o nosso povo”, destacou.

O total de unidades habitacionais selecionadas superará em mais de 140% a meta inicialmente proposta. A ampliação da meta considerou o grande volume de propostas submetidas, a meta do presidente Lula de contratar 2 milhões de novas moradias até 2026 e a demanda represada com a interrupção do MCMV nos últimos anos.

MCMV

O programa MCMV chega a 2024 celebrando a marca de mais de 7,7 milhões de moradias contratadas. Criado em março de 2009 durante o segundo mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o programa, que foi descontinuado no governo passado, foi retomado em fevereiro do ano passado, com a Medida Provisória nº 1.162, convertida na Lei nº 14.620, de 13 de julho de 2023.

O programa, em sua nova versão, estabeleceu como meta contratar, até 2026, dois milhões de moradias. Entre as novidades estão a adoção de varandas nos novos projetos e de bibliotecas nos condomínios, de modo a estimular a leitura entre os participantes do programa.

Foto: Assessoria Gleisi


- Envie um whats para nós! - Encontrou um erro? Tem mais detalhes? Ou aconteceu algo e quer compartilhar? Entre em contato com a redação pelo whatsapp: clique aqui

- Receba a notícia quando ela acontece no nosso grupo 📱🤳🏻 👉 https://is.gd/2nA6u1

- ANÚNCIO -spot_img
- ANÚNCIO -spot_img
RELACIONADAS
spot_img

ÚLTIMAS

Google Notícias Ivaiporã Online