20.2 C
Ivaiporã
terça-feira, 23, abril, 24
InícioPARANÁEmpresário de 68 anos é assassinado com tiros na cabeça após invasão...
spot_img
- ANÚNCIO -spot_img

Empresário de 68 anos é assassinado com tiros na cabeça após invasão em sua mansão em Curitiba

Um idoso de 68 anos foi morto com tiros na cabeça após ter a casa invadida na noite desta quarta-feira (22). O crime aconteceu dentro de uma mansão da Rua Pedro Ferrari, no bairro Butiatuvinha, em Curitiba. A polícia apura as circunstâncias, mas tudo leva a crer que se trata de uma execução. 

Conforme o relato da família ao tenente Seiji, da Polícia Militar (PM), todos estavam juntos quando perceberam que a casa estava sendo invadida. O portão da casa chegou a ser arrombado.

“Indivíduos invadiram a residência utilizando de um veículo, um Gol. Eles bateram contra o portão de entrada da casa, romperam uma janela, entraram no imóvel e foram ao local onde a vítima estava”contou o tenente Seiji, da Polícia Militar.

Ao se aproximarem da vítima, os atiradores não falaram nada, segundo o que apurou a PM.

“A executaram com três tiros na cabeça e já se retiraram. A ação foi muito rápida […]. Da mesma forma que entraram, saíram, não houve nenhum tipo de ameaça ou diálogo”detalhou o tenente da PM.

No momento dos disparos, o homem estava acompanhado da família, mas nenhuma outra pessoa se feriu.

“Eram mais três pessoas, que se trancaram em um quarto e conseguiram se esconder dos atiradores”.

Foto: Cristiano Vaz/Banda B.

Apuração

A PM fez os primeiros levantamentos e repassou as informações à Polícia Civil, que vai investigar o assassinato. O que chamou a atenção foi o fato de que os atiradores demonstraram conhecer a casa.

“Podemos ter a presunção de que conheciam por ser uma casa grande e a ação rápida. Não tiveram problemas ao encontrar a vítima, se locomover no interior do imóvel, então houve um estudo para a execução da ação”comentou o tenente Seiji, da Polícia Militar.

Segundo a PM, o homem era um empresário do ramo industrial, mas nenhuma outra informação foi repassada no local, nem mesmo sobre uma possível motivação para o crime. As investigações ficam com a equipe da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), e denúncias podem ser feitas através do 0800-643-1121.

Fonte: Banda B


- Envie um whats para nós! - Encontrou um erro? Tem mais detalhes? Ou aconteceu algo e quer compartilhar? Entre em contato com a redação pelo whatsapp: clique aqui

- Receba a notícia quando ela acontece no nosso grupo 📱🤳🏻 👉 https://is.gd/2nA6u1

- ANÚNCIO -spot_img
RELACIONADAS
spot_img

ÚLTIMAS

Google Notícias Ivaiporã Online